Pesquisar neste blog

No mundo

fevereiro 28, 2011

MEU VIDEO FAVORITO: FIREWORKS- KATY PERRY

Você já se sentiu
Como um saco plástico
Flutuando pelo vento
Querendo começar de novo?

Você já se sentiu,
Com um papel bem fino
Como um castelo de cartas
A um sopro de desmoronar?

Você já se sentiu
Como se estivesse enterrado ao fundo
Gritando sob seis palmos
Mas ninguém parece ouvir nada?

Você sabe que ainda
Há uma chance para você?
Porque há uma faísca em você

Você só tem
Que acendê-la
E deixá-la brilhar
Apenas domine a noite
Como no dia da independência

Porque baby, você é um fogo de artifício
Vá em frente, mostre o que você vale
Faça-os fazer “Ah, ah, ah!”
Enquanto você é atirado pelo céu “Ah, ah!”

Baby, você é um fogo de artifício
Vamos, deixe suas cores explodirem
Faça-os fazer “Ah, ah, ah!”
Você vai deixá-los dizendo “awe, awe, awe”

Você não tem que se sentir
como um desperdício de espaço
Você é original,
não pode ser substituído

Se você soubesse
o que o futuro guarda
Depois de um furacão
vem um arco-íris

Talvez a razão pela qual
todas as portas estejam fechadas
É que você possa abrir uma que te leve
para a estrada perfeita

Como um relâmpago,
seu coração vai brilhar
E quando chegar a hora, você saberá

Você só tem que
acender a luz
E deixá-la brilhar
Apenas domine a noite
Como o dia da independência


Baby, você é um fogo de artifício
Vamos, deixe suas cores explodirem
Faça-os fazer “Ah, ah, ah!”
Você vai deixá-los dizendo “awe, awe, awe”

Boom, boom, boom
Mais brilhante que a lua, lua, lua
Sempre esteve dentro de você, você, você
E agora é hora de deixá-lo sair

Porque baby, você é um fogo de artifício
Vá em frente, mostre o que você vale
Faça-os fazer “Ah, ah, ah!”
Enquanto você é atirado pelo céu “Ah, ah!”


Uma vez me disseram...Pura ilusão

Que morreria por mim de tanto que me amava
e no entanto o único que morreu foi Jesus. Mas não que eu quisesse que esta pessoa morresse, mas as palavras são como vento que sopram e às vezes muito dizem e nada suprem. Hoje vivo e espero atitude das pessoas, não palavras...
Uma vez tambem me disseram que eu era a mulher certa, que seria para sempre...no entanto o para sempre durou poucos meses...
Uma vez me disseram que me ensinaria muitas coisas, que eu era parecida com ele, em pensamentos e atitudes e que eu tinha um grande potencial a desenvolver no sentido de ser livre e menos carente...e no entanto esta pessoa simplesmente...Vazou! rsrs
Uma vez me disseram e até chorou dizendo que me amava e eu já meio calejada pouco dei importância e talvez até fosse amor realmente. Mas que amor é esse que não perdoa, logo procura outros braços para sanar a sua dor e pior: promete que vai voltar e volta para dizer que não quer mais amar? rsrs Só os loucos sabem...Como na música do Charlie Brown...
Uma vez me disseram que eu era maravilhosa, uma mulher inteligente, bonita, perfeita, pintou o pavão muito mais colorido que realmente é... e no entanto..AH! Esse eu dispenso comentários, mas adianto que é melhor não ter dito nada quando na verdade nunca quis ficar ou manter algo mais sólido.

E já me disseram tantas coisas que hoje simplesmente entram por um ouvido e saem pelo outro. Não acredito às vezes nem no que eu falo, como vou acreditar em palavras dos outros? Não esperem nunca cem por cento de mim. Esperem setenta ou sessenta e se acaso alguém um dia conseguir oitenta, dê-se por satisfeitíssimo... E como uma vez já também me disseram...
Estou aprendendo a me autobastar. É um exercício árduo, mas que vale a pena e o que me fez escrever isso não foram ressentimentos tampouco mágoa ou desencanto. Foi uma música...meio boba, meio adolescente, mas que diz algo assim:

"O amor machuca mesmo quando é certo ou errado
Não posso parar porque eu estou me divertindo muito
Você está de joelhos
Me implorando, "Por favor"
"Fique comigo!"
Mas honestamente
Eu só preciso ser um pouco louca
Toda minha vida eu fui boa, mas agora
Ah, estou pensando "que se dane"
Tudo que eu quero é bagunçar
E eu não me importo
Se você me ama, se você me odeia
Você não pode me salvar, baby
Toda minha vida eu fui boa, mas agora
Ah, que se dane
E daí se eu sair em um milhão de encontros?
Você nunca me liga ou me escuta de qualquer jeito
Eu prefiro ficar com raiva do que sentar e esperar o dia todo
Não me entenda mal, eu só preciso de um tempo para brincar"

(Avril Lavigne-What the Hel
l)

fevereiro 25, 2011

De vanguarda? - Sobre livros


Sou mulher de vanguarda sim, em busca de novos conceitos, valores e tendências, mas também não espere de mim roupinhas de adolescente aos quinze quando na verdade tenho vinte à mais. Espere equilíbrio ou pelo menos inúmeras tentativas em adequar-me à conteporaneidade do século XXI e continuar imutável a certas opiniões minhas tanto politicamente corretas quanto nem sempre tão certinhas assim...
Meu livro favorito pode ser Fernão Capelo Gaivota, a Bíblia de King James, Casa de Pensão ou até mesmo um dos livros mais trashs que já li(com todo respeito)- A "divina " Revelação do Inferno, de Mary Baxter. Será que "tamanha revelação" tem algo realmente de divino? Sempre fui muito eclética e leio de tudo, de jornais e revistas de fofoca à panfletinhos de "Jesus te ama e eu também". Meus primeiros livros, acreditem, que li aos nove, dez anos, sei lá foram: O Sol é para todos, de Harper Lee e a coleção de Machado de Assis, José de Alencar e o Pequeno Príncipe, claro (da minha mãe) e "Eram os deuses astronautas?" e "A Divina Comédia" de Dante Alighieri, que eram do meu pai. Tinha medo daquele livro, principalmente das ilustrações.Mas isso foi alimentando meu gosto pela leitura e como meu pai era maçon ele lia muito esses livros excêntricos e eu por tabela lia também ou ouvia ele lendo pra mim, como se fossem historinhas para dormir- Acho que fiquei meio maluca por conta dessas noites "mal dormidas" digamos assim.
Ah!Hoje em dia eu não gosto de ler o livro assim, tim tim por tim tim. Faço leitura dinâmica na maioria das vezes ou leio logo o final, passo para o início, leio sinopse...horrível né? Mas é que parece sempre tudo a mesma coisa! Gosto de dicionários, atlas, auto ajuda nem pensar, tenho raiva! E ultimamente estou precisando rever e decorar e não me esquecer das novas regras ortográficas, pois só nesse texto, por exemplo, já fiquei na dúvida se tim tim tem hífem e se auto ajuda também ou agora é tudo junto, mas depois eu pesquiso ou vocês me orientem por favor.
Que mais? Pablo Neruda, José Saramago, Clarice Lispector, Olga Savari, nunca li muitos deles, mas aprecio e pelo menos alguma coisa eu tenho em casa, assim como Ferreira Goulart e Caio Fábio. (Caio Fábio?) É...um pastor e teólogo que adoro! Aliás, já li muita teologia, muito livro sobre religião e hoje basicamente a minha estante contém 70% deles: Enigma da Graça, Síndrome de Lúcifer, do Caio Fábio; Maravilhosa Graça, de Phillip Yancey; Freud x Deus...ah!! Enfim...Pra terminar quando cismo de ler algum clássico que eu não conheça eu busco e leio. Assim foi com O Código DaVinci, A Arte da Guerra, de Sun Tzu, O Príncipe de Maquiavel, Memórias do Cárcere e tantos e tantos outros. Mas para mim, de todos que eu já li o que tenho a dizer é uma coisa: o melhor de todos continua sendo a Bíblia e os seus livros Apócrifos também. Confesso que sou FASCINADA!

Frases


"Apesar das correntes, pense sempre que são elos interligados, veja-os como união e não aprisionamento, pois mesmo nos momentos de dor e luta sempre tiramos proveito e experiência de algo."

"Adoro prateleira de orgânicos, mas essa cultura de consumir estes alimentos aqui no Brasil ainda está elitizada e cara, acaba se tornando meio inatingível para a maioria, começando por mim, pois vontade e prazer eu tenho, mas nem sempre é possível! Mas também sou sem vergonha. Confesso que adoraria mergulhar numa piscina de fandangos, rufflles, sticks e doritos, tipo a última cena de Patch Adams..."

fevereiro 24, 2011

Dedicado


"Amor é essencial, amor sem igual
Amor, não precisa de ensaio
Apenas um olhar de soslaio
Amor é unânime, pode ser de repente
Pode ser devagar, mas sempre presente
Importa que seja amor, algo sobrenatural
Empatia leal, sem nenhum mal
Amor é infinito, indescritível, livre de conflito
Amor é tudo que há de belo, bom e não mito
E não minto quando dele falo e escrevo
Amar e ser amado por Deus
Maior dádiva de Seu acervo..."

Minha participação na ciranda: É MUITO BOM FALAR DE AMOR! (T2806382)
De: Jeronimo Madureira


**QUERO APROVEITAR...

E agradecer a todos os meus queridos amigos que fiz durante este período de 6 meses de recanto e hoje, ao completar 10000 leituras o que tenho a dizer é obrigada! Sei que para muitos talvez seja pouco, mas para mim é muito gratificante e sei que com certeza procurarei sempre fazer o melhor por mim e para os que leem o que escrevo. Quero agradecer especialmente ao Ricardo Vichinsky, Jeronimo Madureira, Mila Pires, Nivaldo ferreira, Sergio neves, Cisnegro, Casmil, Jonny Silva, Arqueirorj, Albano Ferreira, War, Poeta de Marte, Déa Jardim, José Cláudio Cacá,The rain song, Balderrama, Quantum, Professor Edgard Santos, Trom, Djalma CMF, Zino Mendes, Mili, Lu Genovez, Marcelo da Veiga, Sonho Azul, Fábio Aiolfi, A Marques, Otavio JM, Oliveira Rosa, Stein Haeger, Ronnaldo Andrade, Itaracambi,Neo Ertsem, igs, Miguel Jacó, Silvanio Alves, Juli Lima,PBatuta, J Estanislau Filho, SEMPREPOETA,Edson Gonçalves Ferreira, yamânu, Carina Morais, Aaronnn e tantos outros que estão começando a ler-me...MEU MUITO OBRIGADA!

fevereiro 23, 2011

Eu e ela

Lembrei de Telma e Louise
eu e ela
48 horas
dentro de um ap
conversando
conjecturando
discutindo relação
e relacionamentos de ambas
chorando
consolando
muito forte
uma história de amizade
de encontros e desencontros
estamos juntas!
conta comigo!

conto com você!
tomamos um vinho
parecia filme
novo recomeço
cuidando dela
passando creme no rosto dela
ela fazendo comida
rindo
brigamos também
chorei e pedi perdão
oramos
lemos a Bíblia
as passagens vinham
minha mente fervilhava
lembrei de quando era
teóloga e mulher de pastor
foi quando percebi
já não lembro de versículos
de histórias
mas o Espírito me lembrava
e eu buscava
e sonhava
e interpretava
e Emanuel foi abençoando
tem abençoado
vai abençoar
estou me desprendendo
de tudo que me oprime
agora quero me suster
em Deus
e na Sua Palavra...

Saudades da Lua


Bom ouvir e saber que você sente saudades da lua
Que as estrelas brilham quando estamos juntos
Que essa constelação faz parte da galáxia de uma paixão
Que o sol queima e a mantém acesa,
Ainda que em muitos dias eu veja que o tempo está nublando

A lua sou eu? Então iluminada pelo seu riso e olhar de improviso
A febre em me sentir inteira e cheia, nitidamente envolta
Pela névoa cósmica da tua lembrança...
E pelas tardes e noites de amor, onde sol e lua
Anunciam um eclipse de ternura, desejo e amor...

Me gusta


Sentir-te mantendo meu controle
Ouvir-te dizer coisas ineditas sobre mim
Ser-te dama de honra, não noiva
Tatear teu corpo em busca do equilíbrio
Entre a responsabilidade do teu zelo
e a esbórnia da tua intrepidez sexual

Subestimar-te em sentimentos
corrosivos e propositais
Embora eu mesma me sinta subjugada
por esta paixão lasciva que me mantém cativa
em ti e em nós mesmos...

Falar-te audivelmente
oratoria de prazer que nos sacia
E alivia porquanto não podemos nos ver
apenas nos ouvir e falar coisas gostosas

Apaixonar-te ao fazer tuas vontades e querer te agradar
Em prazer e risadas; em maturidade e espontaneidade;
em vícios e costumes; em cantos e métricas;
em química e física perfeitas; toques e atenções;
fingimentos e cumplicidade...

fevereiro 16, 2011

Expectativa de você


Devo criar?
Devo fomentar e querer?
É preciso restabelecer?
Por que é necessário tecer
Uma doce expectativa de você...

Por que sem ânsia e desejo
e espera e zelo, nada se sonha
Tudo se conforma, confronta
Sem apego, sem esperança
Tudo se congela, mera lembrança...

Quero sim, é auspicioso
Preci
so sim, é gostoso...
Não quero lamentar tanto
o que se passou
Nem valorizar demais
o que está por vir
Apenas quero que não passe
mas fique...

Quero que me traga à tona para respirar
Quero sua vontade constante
de beijar e beijar e beijar...
Quero novos votos à beira do mar
Uma nova aliança, um recomeçar...

Santo e profano, sim e não- Inatingíveis


"Santo e profano, bem e mal
Deus e o diabo, entre o sim e o não
Somos nobres entre a luz e a escuridão
E a falta de um faz emergir o outro em questão
Entre o yin e o yang, plena liberdade
Entre estas questões, só não percamos a sanidade..."



(http://recantodasletras.uol.com.br/cirandas/2747691- Ricardo Vichinsky)




"Uma viagem estelar, órbita no planeta
Uma poesia insossa, sem
sentimento
Uma viagem estressante, sem pressa de chegar
Sopro e ventos uivantes, num dia de sol a raiar
Amores correspondidos,sem a ânsia de beijar

Assim são coisas utópicas, livres para sonhar."


http://recantodasletras.uol.com.br/cirandas/2721669 (Ricardo Vichinsky)

Mundo da poesia e Dentro do oceano


"Oceano profundo, é como mergulhar em seu próprio mundo
Há vida, mistério, surrealismo e escuridão
Há beleza, sutileza, destreza, claridade
Digamos que as espécies sejam nossos pensamentos em ação
A flora oceânica seja nossa alma em turbilhão
E a obviedade da grandeza seja a nossa liberdade."

ciranda de Ric Vichinsky (http://recantodasletras.uol.com.br/cirandas/2766605)



"O mundo da poesia é mais que real, é mais que ilusão
É contraditório, mas aí está a questão
São nuances que se alternam, mas não criam confusão
Sentimentos diversos, amor e paixão
Também alegria, euforia, indignação
Vivamos então tudo isso, garanto que nada é em vão!"

http://recantodasletras.uol.com.br/cirandas/2789880 (Ciranda de Ric Vichinsky)

fevereiro 13, 2011

Sobre Filosofia


"A Filosofia é muito mais do que pensamos. São conjecturas, possibilidades, teses, pensamentos, o nosso mais íntimo pensar e interagir,sem medo de nos expor. Filosofar é para todos, sem medo de ser feliz por ter a capacidade de pensar!"





Atentos!




"Que estejamos atentos para essa chegada e principalmente, caso eles queiram partir, ter a sabedoria de não sucumbir, ao contrário, esperar que uma nova felicidade e um novo amor cheguem para ficar definitivamente."

A mulher de Jó e a de Ló


A de Jó era louca
A de Ló olhou pra trás
Estátua de pedra e sal...


* A inércia e o egoísmo são as piores coisas: o egoísmo te impede de amar e a inércia de prosseguir. Não quero ser como essas mulheres, quero amar e andar adiante...





MARTA E MARIA (Poetrix)

Quero ser Maria de Lázaro
Sentar e escutar Jesus
Marta trabalha demais...

Essência que não muda



"Chega uma hora que a sua essência já está pautada...talvez algumas mudanças de opiniões ou quem sabe até de valores, mas a essência é a mesma, a índole, a sua psiqué, já estão moldadas e sendo assim automaticamente você denota , expõe tudo o que sabe e entende sobre si, sobre os outros, sobre as coisas da vida, enfim. Seu intelecto já está meio que programado, sem muitas diversificações. Eu sinto às vezes isso em mim, mas se eu tentar mudar muito não estarei sendo eu..."


"A longanimidade além de virtude é fruto do Espírito. Às vezes nos preocupamos com coisas tão pequenas que acabamos deixando as grandes passarem...Isso porque não sabemos ESPERAR!"

fevereiro 12, 2011

A vida pede carona

Ao amor, para que o tenhamos em concordância com nossas próprias limitações.
À beleza e candura, para que vejamos esplendor nas horas difíceis e consigamos ser puros de alma.
À filosofia, porque somos seres pensantes e queremos nos posicionar e defender nossos pensamentos.
Ao dever e aos nossos direitos, pois uma vida sem regras, juízo e justiça gera uma sociedade mórbida de valores.
À tantas coisas belas, como escrever, ouvir uma música, respirar, louvar a Deus pela nossa existência, agradecer, perdoar, brincar, sorrir e até chorar.
O mundo das letras sempre foi muito sério e também divertido para mim, pois é através delas que consigo expor tudo que penso, acredito, sinto, sofro. E na minha vida sempre tive isso dentro de mim, que escreveria para sempre...E hoje, apesar de todos os problemas que estão patentes aos meus olhos, tudo que tenho vivido de estressante, agonizante e preocupante, eu tão somente tenho descansado e esperado. Tenho pedido carona pra vida, assim como ela pede para tudo que há de belo, pleno e perceptível a nós através da nossa própria sensibilidade. Basta tirarmos proveito disso, esperarmos as coisas se resolverem e termos fé, porque muitos se dizem ateus, mas fé independe de crença, pois ela é o "firme fundamento das coisas que não se veem e a certeza das coisas que se esperam", diz a Palavra de Deus em Hebreus 1:1. E é nessa fé que eu vou seguir...fé porque respiro, fé em acordar e viver mais um dia, fé em superar, fé que a minha fé não se acabará.

Fale tudo o que sentiu!


Não sei se deserto, mar ou terra, só sei que estou chegando. Alguns erros(ou muitos), algumas percepções equivocadas, muitas conjecturas e finalmente a balança que tenta equilibrar pesos e medidas. O que mais me angustiava agora tornou-se um bálsamo; as pessoas que tiveram que se reaproximar o fizeram(e fiquei muito feliz por isso). As que precisavam se afastar também.O que me tirava o sono agora me impulsiona a dormir e descansar. O medo, a mágoa e a desconfiança estão se dissolvendo, dando lugar à segurança e tranquilidade. Questão de tempo, tempo, tempo...o melhor remédio! Ainda existem pendências, mas sei que irão se resolver. Ainda existem pessoas a serem reencontradas, monólogos e diálogos acontecerem, coisas a serem faladas! Fale tudo o que sente ou sentiu! Uma vez ouvi e li isso, nunca esqueci...
Hoje as minhas expectativas estão nulas, apenas esperança e confiança se instalam. Resisti à muitas tentações, provações e pressão psicológica. Achei que não fosse mais amar, achei que não pudesse mais confiar. Meus sentimentos submersos agora reagem de forma promissora, querem flutuar e chegar à praia. Vão conseguir, embora eu esteja ainda em alguns caminhos errôneos, mas questão de tempo, pois ninguém é perfeito.

AH! Essas mulheres bíblicas!


Rute esperou remidor
Rebeca cobriu-se de véu
Assim sou eu à tua espera...



BEREIANAS E SULAMITA

Atentas e nobres em ouvir
Apaixonada como Sulamita
É assim que quero ser...

Raabe e Betsebá


Uma, meretriz
Outra, adúltera
Mas Deus as honrou...

Déborah ou Jezebel?


Justa como Déborah
Ou cruel como Jezebel?
Prefiro Eva, doce e ardilosa...

fevereiro 09, 2011

O agito do meu amigo Cacá!


O EGITO ESTÁ UM AGITO SÓ.

Os faraós costumavam morrer muito novos (suspeita-se que muito mais por problemas congênitos do que por esforços malsucedidos de guerras). Acho que o único que durou mais de trinta anos no poder foi Ramses II. O tal do Mubarak já está lá há trinta anos. Ele já está bem próximo de se transformar numa múmia! Será que vai querer também construir uma pirâmide para si?

(http://uaimundo.blogspot.com/2011/02/o-egito-esta-um-agito-so.html)


*********************************************

Adorei esse texto do meu amigo Cacá, achei de uma concisão satírica perfeita e não pude deixar de prestar uma homenagem a esse colega que além de "escrevedor", como ele se autodefine, cozinheiro e blogueiro de mão cheia, é um dos meus leitores mais fiéis e dedicados, se não for o mais! rsrsrs E o que eu disse a ele? Que o Agito do Egito eu até admito, mas sobre a mumificação do tal faraó contemporâneo e sua pirâmide eu regurgito...rsrssr bjos! Prefiro a democracia!

Não sei se rio, se fico triste ou se me escandalizo, mas quem sou eu pra julgar?

O primeiro ainda vai lá, apesar de eu nunca ter gostado dessa menina. Ela é uma mistura de Lady Gaga com Emília do Sítio e a Pequena Miss Sunshine, para quem assistiu o filme. Já tinha postado esse video, mas achei melhor tirar. Sinceramente, o que eu vejo de errado? A menina nem sabe o que está fazendo e cantando, a mídia e o povo aplaudindo, a mãe toda feliz, coitada. Cantando que gosta de viver um romance ruim, que quer uma vingança e continuar presa nesse romance. Ela quer a insanidade e o horror do mau romance que ela está vivendo. Porque é isso que ela está proferindo ou tentando (porque canta mal). Depois esse mesmo povo que aplaude ainda reclama de pedofilia, prato cheio para eles, diga-se de passagem...


Agora esse do "MORRE DIABO REMIX", gente, mas o que q é isso? Peguei meus filhos às gargalhadas vendo isso. Esse pobre coitado matou a mãe à facadas e depois se suicidou na cadeia. Ao ser indagado pela equipe de reportagem, isso foi o que ele falou às câmeras...E as pessoas fazendo remix, usando isso como motivo de piada, risadaria...Gente, isso é Brasil!

Pra terminar deixo o video da abertura da novela Vale Tudo, a melhor novela de todos os tempos. Brasileira, realista e unânime em satirizar tudo de podre que o Brasil tinha e ainda tem. Lembro que quando acabava o capítulo e vinha aquela musiquinha era sinal que lá vinha bomba...era tipo: Agora fudeu! E o "melhor": No final o vilão rico foge com a assassina, manda uma banana pra gente e os pobres todos vão em cana...rsrs Isso é Brasil, mal educado e mal governado. É, gente, estou revoltada hoje!




Elejo pra mim


A xícara de café pela manhã
como a melhor injeção de ânimo
O mergulho na praia da Barra
e o sol quente me bronzeando

A alegria de ver meus filhos brincando
juntos no fim de semana
Melhores coisas da vida
ainda que momentâneas

Uma comida japonesa, uma salada
manjar dos deuses pra mim
Um carinho no cabelo
paz de espírito e zelo
pequenos e grandes prazeres sem fim

Um bom dia de trabalho
volta para casa em meu carro, um cigarro
Uma bebida revigorante
pose ser vinho gelado, até refrigerante

Um soninho depois do almoço
um cinema ou filme na TV
Um papo com amigos ao telefone
Fim de noite, boa coisa a se fazer

Tantas outras eu elejo:
uma oração, meu momento com Deus
Arrumar a casa, ouvir um som, escrever
tem algo melhor para se eleger?

Elejo então minha própria vida
minha saúde, meu respirar
meu pensar, meu caminhar
meu chá da tarde, esperança pela janela
Observando carros na Linha Amarela

Elejo minha cama, meu quarto
meu armário desarrumado
Meus celulares que tocam
minha liberdade aprumada

Meu céu, meu chão, minha casa
minha família e amigos, minhas fases
os amores que se vão, em vão
Só destes não me orgulho não

Mas também não sofro com isso
Vivo a paixão de estar bem sem compromisso
seguir meu caminho, minha trilha
Estar bem comigo e com Deus, meu guia

Meus dialetos de conquista
faces de princesa maldita
Ou quem sabe megera bendita
pois amo tudo que sou , tenho e faço
Agradeço a Deus e não me desfaço
E aos meus problemas mando um abraço

Mas neste ano, quero ver se ainda caso...

Sobre ontem à tarde


Uma tarde nada prosaica
Um enlace, notas musicais
Banhos e beijos
Hemisférios em harmonia
Norte e Sul ,antagônicos
mas ontem à tarde...Ah!!!

Quero estar apaixonada
Mas nem muito,
Menos que por mim mesma
Quero ouvir-te me ensinar
Ser asssim tão realista
Nada fundamentalista
Tão doce...toques e beijos...

Sua risada, nossas travessuras
Nossa maturidade, minha desenvoltura
Em alcançar-te em paradigmas
E pensamentos teus já embasados
Alguém diferente do que pensava
Por quanto tempo não te notei?

Mas agora conto os dias e horas
Sou-te tua, apenas tua
Sentir você perto de mim, teu sussurro
Em meu ouvido, em meu corpo
Em meu olhar, como nos teus olhos
que me perco e não fantasio
Apenas sigo suas regras...

(ao meu Branquinho)

fevereiro 08, 2011

Saídas e portas


Minhas saídas não são válvulas de escape e talvez até também seja o Deus que me apresentaram. Hoje não mais como ontem, mas ainda presente...
E ausentes são as tentativas em encontrá-las em pessoas ou amores. Agora jazem em mim mesma, minhas portas mais fechadas, as quais só eu consigo abri-las.Encontrei as chaves ou quem sabe a chave mestra que a todas conduzem-me à inesgotáveis possibilidades: silêncio, autosuficiência, temperança, expectativas nulas em outrem e jamais falta de esperança. Certa vez definiu-me assim alguém especial:

"Ela é um mistério, que vem se revelando a cada momento... Não sei dizer se a conheço, só sei que me agrada e que me faz esquecer do tempo. Não sei se do bem, não sei se do mal, se verdadeira
ou surreal... Só sei que intriga, convida, seduz e isso é real. Não faço perguntas, vivo cada ilusão que me oferece... A quero bem, seja quem ou como for, só queria que soubesse.Às vezes acho que você é um anjo, mas nem bom e nem mal, mas capaz de seguir ambos os caminhos. Me faz querer o bem, mas me faz gostar do mal... Suas palavras são doces, mas com um gostinho amargo que seduz. Ela não oferece amor, mas o faz crescer com facilidade. Sabe fazer florescer o amor, mas parece ter o dom de alimentar o ódio, mesmo que sem intenção, o que o alimenta mais ainda, pois até o seu mal é nobre e os machucados, Ahh! Acabam se mostrando incapazes de lutar contra ela e nesse momento a conquista está selada. Ela e seu beijo. A beleza que convida, a essência que abate." (Mili)

E hoje assim: "Doce,inteligente, dominadora, desequilíbrio coerente, talvez sensual, mas com boas perspectivas de aprendizado, uma especialista em sentimentos..."(RK)

Gosto quando as pessoas tentam me definir, pois nem mesmo eu sei o que sou. Tenho buscado dentro de minhas próprias portas e minhas saídas agora fluem de mim mesma: portas e saídas verossímeis, concretas, saídas pela janela da alma e uma ponte ainda de incertezas por qual vereda trilhar. Então usarei minhas saídas e portas dependendo de cada situação que a mim for apresentada. E com sabedoria ,discernimento e boa dose de liberdade aprenderei a lidar com elas...Mas ralos e válvulas de escape não me seduzem mais, apenas saídas e portas...

Liberdade (ciranda de Aline Romariz)

"...Palavra doce, total desenlace
de amarras e nós da alma, personalidade
Candura e zéfiro da alma, brisa e flor...
Liberdade reina na alma do escritor..." (Elayne Aguiar)


(http://portadopoetabrasileiro.blogspot.com/2011/02/blog-post.html)

Paciente


"Um paciente, impaciente...
Pré-ciente, da ciência que diz
Imprecisa de passos, prazos
Para o paciente que passeia
Entre a paz e sua ciência
Que ele tenha paciência..."

(dedicado aos pacientes que fazem quimio)

O mundo é dos despertos


" Falta de moral, de ética, ambição em excesso, dinheiro e egoísmo. Que estejamos despertos para tudo isso, pois são armadilhas de nós mesmos, arapucas dos espertos que pensam que o mundo é deles."

fevereiro 05, 2011

ABC-ME Do Amor

Abraça-me forte
Beija-me voraz
Cubra-me de ti
Dedica-me um poema
Encaixa-te e espera-me
Finca-me teu amor
Geografa-me em toques
Honra-me como tua
Ira-me se puderes
Jorra-me teu mel
Lasciva-me a carne
Mantenha-me cativa
Nocauteia-me de amor
Ouça-me em meus beijos
Prenda-me em seus lábios
Queira-me por tudo
Responda-me
Seja-me doce e etéreo
Toca-me com ardor
Unta-me de gozo
Valha-me como tu queres
Xinga-me quando sentires dor
Zela-me apenas...

Filosofia de Amor


"A cada dia e tempo que passam mais tenho certeza que o amor é tão divino que talvez não saibamos senti-lo. Já está clichetado de particularidades inseridas e contextos ministrados a ele:
que tem que haver cumplicidade, diálogo, compreensão, companheirismo, todas essas "baboseiras"...
Sou uma eterna inconformada talvez já conformada por ter me conformado com a falta de conformes em amores utópico
s e dilacerados de esperanças desenfreadas e naufragados pelo egoísmo. Concluo que o amor (e não me venha dizer que tenho visão pessimista sobre ele) seja a eterna necessidade de autoafirmação depositada e confiada à uma outra pessoa que julgamos ter a capacidade de preencher os requisitos que nos façam crer que isso é possível. Essa tentativa na maioria das vezes é frustrada e ineficaz e sendo assim o véu se rasga e descobrimos que somos impromissores em atender a estas expectativas ou quem sabe ainda não nos encontramos, não nos amamos, não nos autobastamos, pois talvez este mesmo amor só seja possível de compartilhar se estivermos plenos de nós mesmos ao ponto de não nos surpreendermos com a fraqueza alheia ou o egoísmo duo e duro que impera na relação. Não espero grandeza de sentimentos de ninguém em relação a mim, espero invalidez ou no máximo uma incrível força de vontade em lutar junto comigo em nome das tais fiéis expectativas criadas em torno de. Não acredito em amor, acredito em relacionamentos, trocas, relações, prazer e empreendorismo sentimental..."

Certo que sinto...


Certo que sim, como carta registrada
Remetente certo...É certo que sinto
E sinto que sentes
A certeza do quanto custa uma paixão
É o cerne da questão...

Curtume de couros caros
Cores claras, retalhos e roupas
Situações clandestinas, cretinas
Tal como uma cara ilusão ou carisma
Mas é certo que sabes, sou certa...

E caso eu seja essa coerência de versos
Incoerentes, inversos e avessos
Conjecturas cabíveis e inquietude,
Universos cristalinos e supérfluos,
Apenas saiba o que é certo: que sinto...

fevereiro 02, 2011

Uma bela homenagem...

Presente do meu amigo Ric Vichinsky: Ele descobriu isso e está parecendo criança...rsrs Amei Ric, te adoro mmuuiiittooo!! Abaixo o meu poema na íntegra e esta é uma das músicas que eu mais amo!! Bjos!




Chega de mansinho
a certeza de um amor
outrora naufragado
quase esquecido
mas que hoje se redescobre
entre palavras
carinhos
abraços e percalços
relação discutida em forma de amizade
como se nada quisessem
mas que estabelece-se
vai tocando, infringindo parâmetros
certificando-se da sua realidade
desconforto disperso, estamos em casa
reacendendo a chama
ainda uma pequena tocha, pouco acesa
pouco quente
questão de oxigênio a alimentá-la
tempo a deslumbrá-la
serei paciente
mas sem expectativas
funestas ou próprias de mulheres
Enfim, talvez você mesmo descubra
Tira-te o véu da face
as escamas dos olhos
ainda espero de alguma forma
por ti
por nós
pela certeza de um recomeço
ainda que perene
mas agora sim, viável
quem sabe maior do que tudo
soberanamente desejado
compartilhado e ensinado
sou mulher certa
você, menino homem
E somos jovens ainda
temos uma vida pela frente
uma certeza se Deus assim permitir
que seremos felizes...
nós e os nossos
pequeninos...