Pesquisar neste blog

No mundo

março 18, 2012

Fábio Aiolfi e eu


Então...

Este fim de semana conheci meu querido amigo Fábio Aiolfi. É estranho (até para mim), escrever isso. "Conheci meu amigo". Sim, por que quando falamos em amizade não cogitamos o fato de talvez essas pessoas não se conhecerem e eu posso dizer que, depois de quase três anos de Recanto das Letras fiz muitas amizades. Amizades como Ricardo Wichinsky, Francis França, Jerônimo Madureira , Fábio Aiolfi e muitos outros. Pessoas que eu compartilho, participam de uma certa forma da minha vida e sei, com certeza, que sempre me apoiarão. E vice versa. Em pleno ano 2012, não são só as famílias  ganharam novos perfis, como todos dizem por aí. As amizades e até namoros também. Eu acredito nisso. Acredito muito na convivência também, mas hoje para mim, a distância não é um ponto negativo. Talvez uma vertente diferente, mas não uma utopia. E acima de tudo acredito em sintonia! 

***

Quero fazer uma pequena homenagem a este grande menino que nada difere do que eu imaginava: meigo, bonito, inteligente, sensível, simpático, incrível. Veio ao Rio de Janeiro para gravar seu próximo curta, mas como não sei se é segredo, não vou falar. Infelizmente não ficamos por mais tempo juntos, mas haverão novas oportunidades. O importante é que nos encontramos e nos reconhecemos. Aliás, quando eu voltar da minha viagem(semana que vem), se Deus quiser, espero fazer um pequeno álbum e menções, assim como homenagens, a algumas pessoas que já conheci do RL. Tudo registrado, claro, porque momentos célebres devem ser eternizados.

***

Segue aqui o site oficial de Fábio:http://oficialfabioaiolfi.blogspot.com.br/ e um vídeo com sua entrevista para o portal TK1












Fábio Aiolfi e Elayne Aguiar em Cobal Humaitá, Rio de Janeiro

março 03, 2012

Certo em hora imprecisa

Fica bem, vai passar!
Estou sem paciência, no alto de mim mesma
No meu ego sem decência
Namorando comigo mesma

Se acaso não se importar
Seja apenas certeza, assim como eu
De ser certo em hora imprecisa
Ou errado na hora certa

Ao invés de amar e viver
Aninhei-me e esfriei
Em mim, em meu próprio ser...
E em demasia e constante inconstância
Está a alegria de não depender de amor
E sim euforia
Uma fiel agonia simultânea a dor

De estar só e  brindar
O voo da águia que se aproxima e prevalecerá...

Mas fica bem, vai passar!

(Uma repostagem- Para alguém que me amou e só...)

março 01, 2012

O melhor de Da Vinci

Leonardo Da Vinci




O Homem Vitruviano


"O Homem Vitruviano - é um desenho famoso que acompanhava as notas que Leonardo da Vinci fez ao redor do ano 1490 num dos seus diários. Descreve uma figura masculina desnuda separadamente e simultaneamente em duas posições sobrepostas com os braços inscritos num círculo e num quadrado. A cabeça é calculada como sendo um oitavo da altura total. Às vezes, o desenho e o texto são chamados de Cânone das Proporções.
O desenho actualmente faz parte da colecção/coleção da Gallerie dell'Accademia (Galeria da Academia) em Veneza, Itália."(http://construindohistoriahoje.blogspot.com/2010/04/o-homem-vutruviano.html)







MONALISA
Madonna of the Carnation




O último quadro sobrevivente de Leonardo da Vinci e é talvez o mais controvertido. Houve muita polêmica sobre o significado da mão do santo apontando para cima, e o seu sorriso enigmático provocou tantas discussões quanto o da Mona Lisa. Enquanto o tronco tem uma certa solidez e força, o rosto e a expressão tem uma delicadeza e misteriosa suavidade que parecem contradizer a personalidade de São João, o intransigente e abstêmio pregador do deserto, como descrito na Bíblia. Pode ser que ele tenha escolhido retratar São João no momento seguinte ao batismo de Cristo, quando o Espírito Santo desceu sobre Jesus na forma de uma pomba.(http://artes-leodavinci.blogspot.com/2011/06/pinturas-sao-joao-batista.html)






A Última Ceia é um afresco de Leonardo da Vinci para a igreja de seu protetor, o Duque Lodovico Sforza. Representa a cena da última ceia de Jesus com os apóstolos, antes de ser preso e crucificado como descreve a Bíblia. É um dos maiores bens conhecidos e estimados do mundo.(http://artes-leodavinci.blogspot.com/)