Pesquisar neste blog

No mundo

junho 28, 2012

O novo do mais antigo

O novo do mais antigo,  para mim hoje é amar...

Voltar a acreditar no amor é como um recomeço, com princípio, meio e talvez fim
O novo do mais, do mesmo e mais antigo dos sentimentos...
Traz alívio, tranquilidade, aguça a percepção dos sentidos e traz graça
Ao que  há muito não me fazia chorar...
A nobreza que talvez não exista de forma fidedigna, mas com a boa intenção de sempre...
Que seja um mar de rosas ou eterno, não enquanto dure, mas eterno mesmo...Além do horizonte da vida
Além do bem e do mal, além da tristeza e até da felicidade.

5 comentários:

  1. Belo texto (: adoreeei
    Beijo beijo
    http://diiariodocediario.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. SERGIO NEVES - ...e tudo acontece na hora certa. / (Vou ler os textos que postaste com mais calma -produziste bastante nesses últimos dias!). / Carinhos Elayne.

    ResponderExcluir
  3. É... Vi seu email..Depois conversamos..Bjos

    ResponderExcluir
  4. Oi, Elaine! É verdade, amar, acima de tudo, isso é o que nos faz inteiros para o que der e vier da vida.
    Grande abraço. Paz e bem.

    PS: A imagem do topo e a música escolhida: Lindas!

    ResponderExcluir